Sabtu, 30 Mei 2009

Significado das flores, Violeta, Papoula, Anêmona, Margarida e Cravo

As diferentes formas, cores e cheiros das flores originaram muitas associações e mitos. Inocência, doçura, serenidade e cura são representações comuns das flores.

A Violeta tem um certo destaque na mitologia grega e durante as épocas medievais significavam a fidelidade no amor, casta e humilde. Entretanto, na antiga Roma a violeta era usada em funeráis, e ainda hoje, sua cor púrpura significa lamentos.

A Papoula e a Anêmona estão relacionadas ao sono e a morte. Durante duas guerras eram símbolos dos soldados caídos nos campos de batalha. No mito de Afrodite, a Anêmona foi gerada a partir das lágrimas de lamentação de Afrodite pela morte de Adônis. Na idade média a Anêmona simbolizava também a proteção contra mal. Acredita-se que as fadas repousam entre as pétalas da Anêmona. Já a Papoula simboliza o sono.

A Margarida exala uma natural simplicidade. A flor é o símbolo da inocência e tem também conotação de amor perpetuo. Entretanto, acredita-se que a flor pode trazer azar se for trazida à casa.

Símbolo da fertilidade e do amor, o Cravo-Branco é sempre presente nos casamentos. O Cravo-Vermelho representa um coração ferido e o Cravo-Amarelo é empregado nos momentos de rejeições.

Tidak ada komentar:

Poskan Komentar