Senin, 12 Mei 2008

Learning Tattoo - Capítulo 2, A Máquina de Tatuagem

Capítulo 2


1 - A Invenção

A máquina de tatuagem não sofreu muitas alterações desde a sua invenção. O inventor de máquina para tatuagem é Samuel O’Reilly (S.F.O. Reilly) que inspirou-se na caneta de autographia, uma máquina de gravura inventada por Thomas Edson em 1876. Edson criou a impressora para gravar superfícies duras. O’ Reilly adaptou a máquina de Edson alterando o sistema de tubo e modificando sua unidade, oscilando electromagneticamente (vai e volta), criando assim, a máquina de tatuagem em 1891. Na imagem a invenção de Thomas Edson adaptada por Samuel O’Reilly.

2 - Máquina de tatuagem moderna

A máquina de tatuagem moderna foi criada por Percy Waters em 1929. Em 1979 Carol Nightingale reinventa a máquina de Percy Waters, desta vez mais potente, robusta e constituída de mais peças, semelhante às máquinas modernas atuais. Estas máquinas utilizam duas bobinas presas a um chassi, recebem a eletrecidade controlada por uma fonte e são acionadas por um pedal. É fundamental que o tatuador domine as técnicas de regulagem da máquina.

3 - Principais componentes da máquina de tatuagem

Bobinas ou Coils
Presa ao chassi da máquina encontra-se um par de bobinas. As bobinas constituem de fio de cobre enrolado em seu interior. São responsáveis pelo movimento de vai-e-vem da haste. Trata-se de um circuito formado por fios, ligados a uma corrente elétrica, gerando um campo eletromagnético, descrito como comportamento indutor. As bobinas são os componentes principais dos sistemas magnéticos e elétricos da máquina de tattoo. As bobinas em uma máquina são como eletroímãs. Quando a máquina está em funcionamento, o magnetismo criado pelas bobinas puxa a barra da armadura para baixo. Uma vez o magnetismo no sistema dissipa-se, a barra da armadura libera-se e move-se para cima. Este movimento para cima e para baixo, em alta velocidade, da barra ligada a agulha, proporciona a penetração da agulha na pele.

Chassi ou Frames
Conhecido como corpo da máquina, o chassi prende todos os componentes da máquina. Pode ser fabricado em diversos tamanhos, modelos, temas e materiais. Em inglês é chamado de frames. Além dos componentes elétricos são presos ao chassi a biqueira (ou bicos) e o clip-cord. Encontram-se no mercado, chassis em seu estado bruto para customização.

Capacitores ou Capacitors
O capacitor ou condensador armazena energia num campo elétrico, acumulando um desequilíbrio interno de carga elétrica. O capacitor fica localizado junto às bobinas e preso ao chassi. O capacitor é muito importante, ele é responsável por reduzir a faísca no ponto de contato. A escolha do capacitor para sua máquina vai depender de como você vai utilizá-la. Os capacitores com avaliações menores do Farad (capacitância) resultarão em velocidades mais rápidas da máquina. Os capacitores com avaliações maiores do Farad farão a máquina funcionar mais lentamente. A regra geral é: capacitores menores para traços, capacitores maiores para da coloração da tatuagem. Portanto, convém que o tatuador tenha ao menos uma máquina para traçar a tatuagem e uma para colorir-la.

Molas ou Springs
As molas são os componentes os mais importantes em uma máquina do tatuagem. Conhecidas também como Spring, as molas afetam quanta tensão uma máquina requer, a velocidade de funcionamento, e o comprimento do curso. Aço lustrado e aço moderado são boas escolhas de material para fabricação de molas para máquinas de tattoo. Ambos dispõe de dureza e resistência elevada, evitando a fadiga da máquina.

Binding Post
As máquinas de tatuagem têm dois pontos de conexão obrigatórios; ambos agem como pontos de conexão para os componentes elétricos da máquina. O ponto de conexão superior fica preso ao chassi e ativa o ponto de contato da máquina. O ponto de conexão traseira é o conector positivo para o clipcord.

Barras ou Armature Bars
As barras sustentam as hastes e são presas às molas. Graças ao contato da mola e o movimento proporcionado pelas bobinas, as barras impulsionam a haste para frente e para trás. Presas à haste, estão as agulhas. As barras são disponíveis em tamanhos e pesos diferentes, porém o seu formato retangular, geralmente não varia.

Porcas e arruelas ou Screw & Washers
As porcas, parafusos e arruelas, prendem as peças à máquina de tatuar e permitem a circulação de corrente elétrica pela mesma. Cada componente em uma máquina de tattoo é unido por um parafuso. As máquinas e os componentes americanos usam os parafusos #8-32 imperiais.

Na imagem abaixo, podemos observar todas as peças da máquina de tattoo, inclusive as que não foram citadas acima, como: Contact Screw, Front Binding Post, Front Spring, Tube Clamp, Yoke, Rear Binding Post e O-Ring.




4 - Divisões dos Sistemas da Máquina

Sistema Mecânico
- Molas ou Springs
- Barras ou Armature Bar
- Chassi ou Machine Frame

Sistema Magnético
- Bobinas ou Coil
- Garfo ou base do chassi, yoke or base of the frame
- Base das bobinas ou Coil Shims
- Chassi ou Armature Bar

Sistema Elétrico
- Enrolamentos da Bobina ou Coil Windings
- O capacitor ou the capacitor
- Porcas, arruelas e pontos de contato ou Screw & Washers
- A mola ou the Spring

5 - Circulação de Energia na Máquina

Acompanhe pela imagem abaixo, o caminho percorrido pela corrente elétrica na máquina de tatuagem, desde a entrada da energia transmitida pelo clipcord às bobinas e ponto de contato.

A energia regulada pela Fonte é transmitida à Máquina através do Clipcord (1.). A energia é distribuída entre o Ponto de contato (E.) e as Bobinas (B.). O movimento de vai-e-vem (5.) produzido pelas Bobinas e o Ponto de Contato, fazem com que a Barra (C) presa pela parte de trás da Mola (D) empurre a Haste (4.) para frente e para trás. A Haste passa por dentro da biqueira (G) e suportam as agulhas. As biqueiras por sua vez, são presas ao Chassi (A).
Obs.:
Mais à frente, abordaremos a regulagem da máquina de tattoo, conhecimento indispensável à todos os tatuadores.

6 - Máquina Rotary

As máquinas tipo Rotary são cada vez mais populares e utilizadas pelos tatuadores. As máquinas são fabricadas com motores de alta rotação. Na em todo mundo, sobretudo na Europa, estas máquinas são cada vez mais aceitas por serem silenciosas, leves e potentes. A fabricação das máquinas Rotary iniciou-se na Suiça e hoje é amplamente utilizada na prática da Maquiagem Definitiva.



7 - Vídeos

Abaixo seguem dois vídeos explicativos (espanhol) que ilustram bem o funcionamento da máquina de tatuagem profissional.




Obs.: Contamos sempre com a sua contribuição para que estas lições fiquem cada vez mais completas. À todas as informações cedidas, serão atribuídas os devidos créditos.

Para receber gratuitamente as lições em seu e-mail, assine nosso feed.

Índice

Tidak ada komentar:

Poskan Komentar